terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Ordem do aprendizado


Para aprender algo, primeiro temos o primeiro contato, que provavelmente será de forma teórica. Para que esse aprendizado realmente aconteça, no segundo estágio precisamos partir da teoria para a prática.

Os educadores de forma geral concordam comigo, se você observar um livro didático verá que após cada lição (teoria) há muitos exercícios (prática) e lição de casa (mais prática).

Você só aprende a falar inglês falando, só aprende a interpretar lendo, só aprende a andar de bicicleta andando. Imagine se você se matricular em uma escola de natação e descobrir que lá não há piscina. O seu instrutor lhe passar toda a parte teórica, ilustrando como você tem que fazer para nadar com desenhos e vídeos. Será que depois de umas dez aulas, se você cair numa piscina vai sair nadando ou não vai lembrar nada do que “aprendeu”?

Provavelmente a segunda hipótese, já que para aprender de verdade é necessária a prática. A teoria é apenas uma preparação para o aprendizado, que só vai acontecer após ser iniciada a parte prática. Quanto mais praticar, mais vai aprender e menor será a possibilidade de esquecer.

Toda semana recebo dezenas de mensagens pedindo dicas para aprender a interpretar. O que esses leitores querem é uma lista “teórica” de formas de interpretar um texto. Esquecem-se eles que após ler todas essas dicas, terão que usá-las na prática ou tudo terá sido em vão.

Um tutorial não serve pra nada se não acontecer a execução, assim como um manual será inútil se não for lido, entendido e colocado em prática. O resultado que você vai obter fazendo sem ler antes o manual será o mesmo que obterá lendo o manual sem fazer: próximo a zero.

O aprendizado só se processará se você aliar teoria e prática, os dois estágios são importantes e sempre que nos concentramos em um deles em detrimento de outro, só teremos a perder.


Zailda  Coirano

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...